AS DORES DO MACHO.



A fama de que, a maioria dos homens seja pouco corajosa para as doenças e as enfrentam com muito mais dificuldade do que a mulher é absolutamente, verdadeira. Alguns homens não querendo reconhecer esta verdade, até culpam as mulheres chamando-as de sadomasoquistas. Isto na melhor das adjetivações possíveis!

Por e
xemplo: ambos estão com enxaqueca.A mulher se queixa de forma quase telegráfica, procura uma medicação, e em geral continua fazendo seus trabalhos habituais. Vai levando.Se a dor é muito forte mesmo, descansa uns dez minutos, levanta e já vai a luta.

O homem começa a vomitar.Entre um vômito e outro, diz que a cabeça vai explodir de tanta dor e com voz lamuriosa afirma que tem uma imensa bola de fogo pulsatil lá dentro.Vomita novamente.Bota a mão em cima do coração. Começa a questionar se não é uma doença muito mais grave no cérebro.

Se estiver no trabalho, então o circo é completo, pois pede para ir para casa.Seu chefe que também, é outro homem, o apavora mais ainda, dizendo que ele está ficando verde e que, seus olhos parecem estar amarelando.

Aí o cara nem vai mais para casa, pois, desaba ali mesmo. Levado para o departamento médico prefere comprimido ao invés de injeção e fica fazendo boquinha de choro para a enfermeira.

Já aquela mulher, com enxaqueca, neste período em que o cara está sentindo aquelas inúmeras dores horrorosas e insuportáveis nem, se lembra mais do que aconteceu. Já está até trepando...na árvore!

O cara agora diz que está com diarréia.Vai ao banheiro muitas vezes. Sempre quando volta fala para a resignada enfermeira, que não está “saindo nada”. E com muita indignação olha para a bunda dela, como se afinal você a dela, a responsável, e não a dele.

Ela tenta acalmá lo. Afinal aquele machão ali estendido, completamente descabelado na cama, com o terno todo amassado, a gravata quase lhe enforcando, e só com um dos sapatos - pois, o outro ficou no banheiro - agora pede para urinar.

O que ele quer é colo, atenção, mimos. Sua mãe é a grande culpada daquele macho ter estes explícitos ataques de frescuras. Ele é filho único, mamou até os cinco anos e ela até hoje ainda, o chama de fofo.

Ele acha que vai morrer e ameaça vomitar novamente. As reclamações masculinas nestes períodos de “sofrimento” extrapolam a própria natureza e origem da dor e, então começa a queixar-se de outros sintomas, que só ele percebe, como um carocinho debaixo do umbigo, uma vermelhidão na virilha e quem sabe, pensa ele nervosamente, não seria conseqüência de um possível aumento da sua próstata?

Atualmente, todas as ansiedades, fantasias e medos dos homens terminam na maldita próstata.Fica mais ansioso, chama o médico e entope o outro com perguntas tipo: qual é o dedo que o médico usa para fazer o toque retal, se demora muito e finalmente, sem deixar que o medico dê uma palavra ele mesmo afirma :

- Dói pra cassete, não dói doutor?

Em seguida começa a falar mal da mulher.Que tem muitos compromissos, vive muito estressado, não está agüentando pagar tantas contas e que ela não reconhece nada. Ela é boa mãe, a casa está sempre limpinha. Mas é uma mulher muito chata, marca em cima, já está casado a 21 anos, e a considera quase sua irmã...

Aí o médico, puxa uma cadeira e diz: -Cara não é que você tem razão!



Dizendo que seu ouvido não é pinico, a enfermeira faz cara de reprovação e abandona o consultório, visivelmente, revoltada.























21 comentários:

Helô Müller disse...

É realmente uma situação patética ver a "homarada" com dor... Uma simples canelada vira uma fratura exposta - mole, mole!! Uma mera dorzinha de cabeça, passa pra uma meningite num piscar de olhos; uma tossinha ligeira e ele já tá pensando em "Testamento", na fila do Posto de Saúde, imaginando-se nos minutos finais de vida, atacado pela gripe suína !! Aff Maria, uma verdadeira taragédia grega!!rs
Creio que as únicas dores que vcs suportam calados é a dor de corno e a dor de ficar brocha! (com todo meu respeito, é claro, é isso o que eu acho !! rs)
Helô língua solta!!! rs

Helô Müller disse...

Agora eu vou lá ver o que o misanfie andou aprontando lá nas bandas do Blog novo !! Faço uma idéia ... Valha-me Deus !! Ainda bem que de virgem eu não tenho nem o signo !!! rs

Cris Animal disse...

Uma coisa é preciso ser declarada pelas mulheres: vc tem espelho e auto censura......rs
Impressionante, é isso mesmo. A gota vira oceano, a dor de cabeça é aneurisma, a unha lascada é dedo quebrado e deslocado...pronto pra cirurgia e ... a culpa é da mulher!
Ai ai....
Não doi o exame de próstata. Força, fé e coragem....rs
Qual é? Um dedo por um minuto para quem são tão machões e aguentam qq parada...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

To rindo......

seus blogs são meu recreio!

beijo

Thiago Maia disse...

A mulher é mais persistente mesmo heim? Isso nem é preciso pesquisa, é visível e é preciso admirar e ressaltar sempre essa força de superação!

Boa noite!
Ótima quinta!

Mariangela Buchala disse...

De onde vc tira tanta sabedoria...

Celylua - O blog das Letras disse...

Querido Paulo,
Saudades literárias, rsrsrs.

Ler você é extraordinário, ou seja, suas postagens despertam minha mente a sorri e meditar ao mesmo tempo.
É fantástico, parabéns!!!
Deus te abençoe.
Beijos de poesias.
Com carinho,
CelyLua, Amiga e fã da sua brilhante inspiração...

Muito obrigada!

Marília Gabriela disse...

Vô te contar, coleeeega, macho doente é quase um suplício.
Certa vez eu tive a infelicidade de ter que cuidar de um ex-namorado moribundo. Sério, por mim eu daria ratak pra ele, pq o mau humor e o DRAMA que ele fazia por causa de uma diarréia e cólicas era quase insuportável!

Acabei estourando e palestrando sobre meu ciclo menstrual, sessões de depilação íntima, crises de tpm entre outros momentos críticos de uma mulher..

ainda finalizei com um "queria ver vc parindo ..."
uma semana depois eu fiquei solteira
heheheh

Babi disse...

Oie Paulo, cheguei !

Christi... disse...

É assim mesmo..com as doses certas de um homem contando parece até uma vingança branca. rsrs

amo-te
beijinhos

J Araújo disse...

Como sempre suas histórias são sempre muito engraçadas.

Estou sentindo falta de seus comentários ultimamente.

Ira Buscacio disse...

Caro, Paulo Tamburro.

Cada comentário seu é um carinho, que recebo com muita alegria. Obrigada!
Seu novo texto é perfeito! Você e essa sua sabedoria adorável, sempre.
Gosto dessa sua coragem de ser, muito mais que, um homem com todas as fragilidades inerente a ele, mas um ser humano de carne, osso e muita alma.
Nesse assunto sou PHD. Dois maridos hipocondríacos. Dose dupla.
Um bj grande

TaTinha disse...

Ainda tentando me redimir da minha falta de tato, deixei um carinho para você lá no blog. Não somente para "isto", mas também por isto.
Com relação ao post aí em questão tenho muito a dizer. Nasci para cuidar, nasci para acolher, nasci para servir, nasci para paparicar quem eu amo... Adoraria ter um amor para dar carinho, chamego, dengo... um monte de coisa, mesmo que essa necessidade seja somente para uma dorzinha na unha encravada... trataria-a como se fosse 10 pontes de safena em fase terminal.
Acontece que a vida não é bem assim, como sonhamos... Não tenho com quem fazer esses dengos, digo um "amor" no sentindo literal da coisa, se é que me entende.
Mas como ainda não morri, possa ser que esse dengo ainda apareça, não???
Paulo, mande eu parar de escrever, por favorrrrrrrrrr!!!
Pareço uma metralhadora, eu heim?????
Só mais uma coisinha : Feliz dias do Pais, menino. Tomara que você possa dar muitas risadas, como as quais eu dou aqui lendo você.
A minha risadas aqui são deliciosas, sabia???!!

sonia disse...

Paulo eu trabalho na saúde.É isso mesmo, o homem é mais sensível a dor, não gosta de ficar doente, mas quando a mulher fica... pensa logo... xiii vou ficar sem trepar!
E fica, não pela doença, mas pelo descaso, de não dar atenção a doença dela.Eu sempre adotei uma frase: a vingança é um prato que se come frio.

FaBiaNa GuaRaNHo disse...

Desculpe-me o incômodo, mas venho convidar-lhe para participar da Passeata Fora Sarney, confira aqui os locais. Abçs. http://fabiguaranho.blogspot.com/2009/08/fora-sarney.html

Anjo vermelho disse...

hehee é então né até q enfim um homem resolveu assumiiiir isso!!
mais axo que na maioria das vezes a mulher gosta quando o maridinho ou o namroado fica de biquinho todo todo carente.... hsuahsuahs
mais va saber tem de tudo né..
adorei vc é otimo!!!

beijos enormes!!

ps:andei viajando mas to de volta... ^^

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

É.Pior que tem um fundo de verdade nisso. Eu até estou escrevendo um texto que fala mais ou menos disso, não com humor tão apurado, mas que coincide com o seu. Muiuto bom.Um abraço

Selma Demiciano disse...

Magnífico, ainda mais vindo de uma ser masculino! Parabéns pelo texto!
Agora meu amigo... o que quer fazer com o meu coração ein???? Aliás, meu coração já não é de uma adolescente... tem que saber como dizer as coisas pra ele não parar de bater... e vc moço, fez ele dar uns pulinhos meio esquisitos hoje, qdo li seu "texto" pra mim. Que honra... quanta palavra linda... até mesmo nas humoradas palavras vc me encanta!
Não deixe de vir me ver... adoraria!!!!
Beij♥s

Viu... estou na sua cola definitivamente... em todos os blogs. Desculpe-me pelo sumiço, mas tem dia que a inspiração não vem... e escrever por obrigação não é meu forte... minhas palavras saem do coração e quando ele tá cansado prefiro deixar pra outro dia, mas prometo voltar logo à ativa...
Amo escrever e deixar que vocês viagem junto comigo... nos meus sonhos... devaneios... desejos... emoções e tudo de mais prazeroso que quem ama adora falar, dizer e fazer!

Ricardo Calmon disse...

Olá Meu Bom Paulo:

Kibon que voce me achou,saudável e aconchegante blog este,e uma especial turma de seguidores,das quais só duas conheço e seguidores somos,em site outro,turma tive assim,e encontros e drinks organizamos,foi especial,no globoonlinners,brigadu pela honraria de seguir-me,assim como comentários seu,sinto aqui,mermão,um clima maneiro,tô nessa!I Vamu Qui Vamu!
Quanto a post seu,verdadeiro e consistente,os masculinos limites da dor,amei aussi os comentários!
Te abraço meu camarada!
Viva Vida!

Mélker Rúbio disse...

muito bons os blogs.
estou seguindo os tres...
valew pela visita...
grande abraço...

olhar disse...

Tamburro, Tamburro...

Se você caísse numa cama...ai...ai...cuidaria de você com todo carinho....iria mimá-lo como nunca antes foi cuidado antes...rs!

Gosto muito de você!!!

Menino do Rio...Calor que provoca arrepio...

beijos carinhosos...ao meu querido PT...rs!!!

*Será que troquei as letras ao digitar???Veja bem no teclado de sua máquina...o "T" está bem perto do "J"...rsrsrsr!!

Biazinha

CARLA ROCHA disse...

Além de você escrever admiravelmente bem e nos deixar leve, você é um homem admirável, estando anos-luz à frente dos outros! Parabéns pelo franco reconhecimento dessa faceta masculina, da qual você parece não fazer parte! Obrigada pelas palavras calorosas lá no blog e por sua extrema sensibilidade em todos os sentidos! Beijo grande!