TEIA DE ARANHA.


Os relacionamentos humanos, por vezes, são formatados por verdadeiras teias caprichosamente, elaboradas pelas aranhas-rainha do comportamento social.

Cada uma, e a seu jeito, procura no local certo, tecê-las da formas mais apropriada e com um único objetivo: pegar ou vingar-se do incauto.

Caiu na teia, não sai mais. E as aranhas até que sabem as estratégias corretas, os melhores métodos e como aliciar sua futura refeição. Em todos os setores da vida social é preciso ter muito cuidado, é preciso ter muita cautela, principalmente nas empresas contemporâneas, nas quais a competição e confundida com conflito.E não tem nada há ver estes dois distintos processos sociais.

Na competição o objetivo é impessoal: eu quero passar no vestibular. E estudo para isto.Já o conflito, personaliza um rival e só consegue atingir suas metas destruindo, em volta.

Tem até aquela historinha da aranha que conversava com uma borboletinha garbosa multicolorida, a cerca do perigo que o camaleão representava para ambas.

Próximo à teia, a borboletinha esticava o pescoço para ouvir melhor a aranha, sentada bem no meio do seu paraíso de fios pegajosos e dizendo em tom de amizade:

-Olha, borboletinha querida, é preciso tomar muito cuidado com o camaleão.Ela não é confiável-
-É mesmo?- espantou-se a singela borboletinha.

-É isso mesmo.O camaleão tem uma língua enorme e certeira Ela a arremessa em cima da gente e...acabou.Lá vamos nós toda cheia de gosma para dentro da sua goela.
-Nossa, minhas asas estão até tremendo - dizia apavorada a borboletinha.

-Eu me admiro muito, você não saber disto.Chega mais pra cá, borboletimha que eu vou lhe contar um segredo terrível...- insistia a aranha, confidente.

A borboletinha tão depressa, quanto curiosa, subiu na teia e imediatamente a aranha lhe deu um abraço quebra ossos...
Aturdida e sem entender nada, a borboletinha espavorida, questionava:

-Mas aranha, nós não estávamos juntos, contra o camaleão? E agora você faz isso comigo?

-Ao que retrucou a aranha, do alto da sua sabedoria:
-Em matéria de sobrevivência não existe amizade, só interesses, sua bobinha.
E lá se foi à borboletinha pro brejo.

Nos relacionamentos sociais as teias de aranha funcionam como um meticuloso ardil feminino,por exemplo, de vingança por danos sofridos, para apanhar aquele tipo de homem machão, metido a pegador, o rei da cocada preta, bronco, violento, que gosta de dar uns trancos na sua mulher, metido a passar todo mundo na cara, enfim ,um verdadeiro Tiranossauro do amor romântico.


As mulheres às vezes deixam-se subjugar aos desejos imediatistas deste tipo de homem em extinção, aos seus rompantes de cafajeste da década de setenta, verdadeiros galos de briga,acreditando que aquele ciúme demonstrado pelo marido desde o inicio de seu casamento é prova de amor inconteste e não um desejo mórbido de trancafiá-la em casa exigindo, absoluta e dedicação integral aos filhos e ao lar e anulando-a, para qualquer outra pretensão na vida.





Poucos anos depois, lá está ela embrutecida, emburrecida, inculta e submissa ao dinheiro do supermercado e todas as outras despesas, sob a tutela do patrão.Um zero a esquerda, à direita, em cima e embaixo.
Então aquela mulher com cheiro de gordura durante o dia e perfume barato à noite, e que a última vez que tinha ido ao cinema foi no lançamento de “E o vento levou”, incorpora a perspicácia da mulher aranha, decidida a voar mais alto.




Ao chegar em casa e começar a dar as ordens de praxe à mulher, depauperada, com a alta estima mais baixa que tanque de combustível de carro pobre, cansada de humilhação e autoritarismo do machão irrecuperável, ela aproxima-se daquelas orelhas do seu marido, cheias de fiapos de cabelo para fora, e sussurra no seu ouvido:
-Benzinho, temos que tomar muito cuidado com este vizinho da casa da frente.Ele me olha de forma estranha...

-Estranha? Irrompe o cavalão, praticamente babando como um touro no cio, ou seja, uma síntese de todos os bichos enfurecidos. Eu vou quebrar a cara dele!


-Não, por favor, eu não tenho certeza, estou confusa,só fique prestando atenção no jeitão dele...

E durante anos, aquele marido não tirou o olho do vizinho da casa da frente.

Mal sabia ele que, na verdade, sua mulher tinha puxado o bobão para a sua ardilosa teia de aranha, pois desviara a atenção do seu marido, daquele que na verdade era o seu verdadeiro e eterno amante, o vizinho sim, mas da casa ao lado!

117 comentários:

Ira Buscacio disse...

Meu querido amigo, Paulo Tamburro, que sensibilidade!
Essew texto é verdadeiramente, um divã.
A prepotência humana é cega. Subestima o outro, o pseudo menor. Há de se cuidar do ego, pra não ser um tolo.
Parabéns pelo texto, que como sempre é de mta sensibilidade e sagacidade. coisas de carioca rsrs.
Bjs

Plenitude do Ser disse...

Olá! Obrigada pela visita ao Plenitude!
Vim retribuir o carinho e conhece seus bem-humorados blogs! Mto legais! Parabéns!

Abraços

Ava disse...

Paulo, incrivelmente vderdadeiro suas colocações.

Ja me ví em algumas teias de aranha por essa vida, mas até agora consegui me safar...rs

é um prazer inconcebível ler voce.


Beijos meus!

Elaine Barnes disse...

Uma verdadeira terapia aqui hoje heim!Como aranha não me sai muito bem rs...Faltou-me o amante kkk Amei,vou mandar seu link pra uma amiga que precisa ler isso urgente! Fui!!!!!! Montão de bjs e abraços

Ira Buscacio disse...

Querido, Paulo Tamburro,

To eu aqui novamente, pra agradecer o seu comentário mais que charmoso.
Escrevedor, você? Fala sério!
Não abro mão desses textos inteligentes e bem elaborados de um bom carioca.
Bjão

Lis. disse...

Boa noite!

Legal os textos que escreve, notei criatividade nas palavras. Acho que tudo é possível, e as variantes também.

Apesar que é bem certo que há mulheres e mulheres, assim como há homens e homens. Imagino que o comportamento humano tem muito a ver com o grau de importância que cada um dá ao seu modus vivendi.

Felicidade é algo muito pessoal, particular, e intrasferivel. Não há regras certas, nem receitas precisas para obtê-la.

Saudações!

Sueli disse...

Cada homem com a mulher que merece, nénão???? .... rs. Anda sumido, moço. Abração!

Nanci Cerqueira disse...

kkkkkkkk Fantástico teu texto, reflexivo, em muitos momentos real, uma lastima, a mulher só quer ser bem tratada e amada, valorizada, só... simples! Mas teus pensamentos são verdadeiros! Parabéns!!!

Paulo, kkkkkk Obrigada pelo carinho no meu blog!!!

Você é fantástico! Kkkkk

Se eu não amasse o Homem que amo, um ser tão especial, que faz parte da minha vida, que é o responsável por todas as minhas inspirações ... Talvez eu pudesse pensar em Dubai kkkkkk

Mas amigo, tenho certeza que tem alguém bem perto de você sonhando com Dubai! Kkkkk

Só falta você enxergar com as lentes do Amor!

Obrigada pelo carinho, kkkk esteja sempre perto!

Bjs na tua alma

Jéh Pucker disse...

Vim aqui retribuir pelo carinho no meu blog *-* ameei o post, muito bem escrito e cheio de criatividade!
já estive varias vezes em uma teia de aranha porque não sabia com as pessoas que tava lidando. No começo todo mundo se finge de amigo e depois acaba sendo só mais um se aproveitando de alguma forma de você.
beijo :*

Cláudio Nunes Horácio disse...

Muito bom sua meditação. Excelente texto.

Laila Melo disse...

Maravilhoso texto! Mais que perfeitamente ilustrado.

Esse está muito pr'aquela história do: "Cada um tem de mim o que merece!"
Mas, quantas borboletinhas tem por aí caindo na bem armada teia da sociedade?!
Inocencia e imposibilidade de defesa da maioria, ou malvadeza master do poder maior ($)?


Não há mais o que se comentar sobre. Simples e infelizmente nossa realidade.

Abração fluminense!

Estarei sempre aqui.

A. Reiffer disse...

Grato pela visita. E grato por apresentar-me teu blog. Ótimas ironias. Vou acompanhar. Abraços!

Sandra Botelho disse...

Amei a musica...
E encaixou direitinho no contexto.
Obrigado viu pelo comentario em meu blog. Sempre uma honra te ver por lá.
Bjos achocolatados e um ótimo final de semana

Tatinha disse...

Oie menino,
Obrigada pela visita!
Abração!

Crys Leite disse...

Oi Paulo! Obrigada pela vistinha no meu blog, seus textos são ótimos seguindo seu blog! Sucesso, beijos!

Cammy disse...

Oi Paulo!
Obrigada pela visita!!
Acredite, mas estou ja um bom tempo na frente do computador, visitando os seus 3 blogs praticamente do topo ate o final...!!
Voce eh muito doido! rs..
Parabens, muito criativo tbm!
Fora os posts, tem todas essas ilustracoes na lateral direita, cada uma com legenda!!!
Voce eh realmente dedicado ao seus blogs...no wonder, voce tem tantos seguidores!! rsrs......
Com certeza voltarei a te visitar!
Um bjo
Cammy!

M. Sueli Gallacci disse...

Olá, por hora vim só para adicioná-lo e agradecer as palavras tão gentis... Ou seja, uma vizitinha rápida feito tirinho de espingarda rsss

Teus blogs são maravilhosos e interessantímos, merecem uma visita demorada e minunciosa.

Por isso mesmo voltarei com tempo reservado só para isso!

Um Grande Abraço!

Inês disse...

Obrigada :)
Gostei bastante do texto e acho que se adequa perfeitamente á nossa realidade social.
Vou seguir.

Mari Artesanato disse...

Carioquíssimo...

Adorei o blog, ri com suas letras, estarei sempre por aqui.

E... eu amo imagens, que, junto de seus escritos, fazem a mente perambular...

Beijos com carinho.

Fátima disse...

Oi Paulo, tua página é muito boa, muito criativa e... muito engaraçada.

Como teu texto diz, a mulher antes subjulgada, hoje julga! amo isso..rs

Voltarei com certeza e grata pelo convite.

Beijos

Elika Takimoto disse...

Olá, amigo

interessante tudo isso aqui. Voltarei sempre para me divertir nesse blog e com seus textos muito criativos.

abraços e obrigada pelo seu comentário.

Thereza Pires disse...

Paulo

Bela surpresa encontrar seu comentário minutos após a postagem.
Também gostei muitíssimo do seu blog.
Vou ser seguidora e parabéns pela criatividade.
Também moro no Rio,estou aqui em Montevideo de passagem.
Thereza

ines disse...

Oi, seu texto, muito show, mta criatividade
e tbem vim pra retribuir sua visitinha la..
Otimo fim de semana bjs!

Ligia disse...

Olá Paulo, vim retribuir a sua visita e de cara gostei desta postagem. A vida por si só já é uma teia, e a nós cabe a perspicácia de não deixarmos enredar. Infelizmente ainda acontece e, felizmente cada vez mais as mulheres estão tomando consciência de que podem ser 'borboletinhas' faceiras, vaidosas, até bobinhas, mas sem deixar de serem 'mulheres' na verdadeira acepção da palavra.
Adorei seu blog, vou voltar muitas vezes mais. Tenha um ótimo dia. Bjs.

DiniSil disse...

Gostei muito do seu blog, seus textos são interessantes e humorados. Parabéns.

Sabrina Rodrigues disse...

OBRIGADA PELA VISITA. PARABENS PELO SEU BLOG!

A Ruth disse...

Retribuindo a visita, fiquei muito satisfeita com o que vi por aqui. parabéns!

sabe que não sei... disse...

divertido :)

Vanessa16666 disse...

Oiii lembra de mim ne? como prometi estou aki e achei seu blog super ultra mega cintilante e extraordinário!Parabens!! adorei a historinha mt ilária :D kk.
Bom,se vc recomendou seu blog no meu,eu acho q tb posso recomendar o meu no seu ne? entao la vai:
Oiii galera cintonizada,esse é um recado pra quem tem um pinguin no club peguin! quem nao sabe q site
é esse é um site q vc cria um pinguin,é super maneiro trate de acessar: www.clubpenguin.com.br passa lá e faz o seu :)
Entao continuando pra vc q fica desantenado nas noticias do cp(club penguin) é só passar no meu blog: CLUB PENGUIN GLAMOUR (www.cpglamour.blogspot.com) eu garanto q vc vai gostar mt e se divertir o Paulo ja confirmou kk Entao,acessa ai pf ta? Bjuxxx estrelados

Geane Luciana disse...

Noooossa Paulo
adorei o texto
realmente fikei boba c as palabras e as relações que vc fez no decorrer do texto.

parabens
abraços.

Menina das Estrelas disse...

Olá Paulo. Tudo bem por aí? Vim agradecer sua visita ao Borboletando, assim como agradecer pelo comentário. Estou seguindo seu blog, que aliás, é maravilhoso. Parabéns!!!
Levarei esse texto para trabalhar na próxima reunião da minha escola. Tenho certeza que renderá muitas reflexões.
Beijos.
Cris ( Borboletando)

Regina Coeli Carvalho disse...

Olá,
Andei passeando pelos seus blogs e diverti-me muito. Seu bom humor é contagiante.
Parabéns!
Abraços.

Danieli disse...

Texto muito bom, parabéns! A vida como ela é hehehehe
Que bom que gostou do "Diário da Gringa Avantajada", és sempre bem vindo para visitar!
Grande abraço gaúcho (tremendo de frio, porque aqui tá congelante!!)

Victoria disse...

Oi Paulo!!!
Uma das coisas que tenho sentido falta em minha vida é o bom humor das pessoas que encaram seus problemas com caras fechadas e sorrido amarelo...
Como é bom encontrar aqui textos tão bons que alegram a alma e faz um bem danado pro coração!!!
Parabéns e obrigado pela visita!!!
PS:Como encontrou meu blog querido???

O amor tudo Crê, tudo suporta, tudo espera... disse...

Oi Paulo,
Gostaria de agradecer a visita ao meu humilde cantinho... rs

Como és inteligente! Um texto que nos prende... Além de trazer muita identificação...
Quem na vida não viveu um relacionamento em que mais parecia uma teia de aranha? Nos faz refletir...
Parabéns!
Com certeza me tornarei visitante constante!
Beijos

Luiza Prado disse...

Olá Paulo!!!!
Obrigada pela visita e pelo elogio!!
Também adorei seu blog!!!! Já está nos meus favoritos!!!
Bjo grande!

manu-vira-o-mundo disse...

Ótimas colocações, mto bom o texto!!! Parabéns pelo blog, bem bacana e obrigada pela visita no meu blog!
Volte sempre!
Vamos virar seguidores? ;)

Renata T. disse...

Adorei isso! Muito bom. Texto rico, inteligente, e que faz pensar. Vai já para os meus favoritos. :)
Obrigada e até,
Renata.

Mariana Montenegro disse...

Huahushsuhaush, Paulo! Ótimo texto para a semana dos namorados! Amei!!
Bjooos

georgea disse...

Paulo, obrigada pela visita e o comentário em meu blog.
Também não conhecia o seu e estou admirada com tamanha sensibilidade, criatividade, humor...genial...
Demos boas gargalhadas aqui em casa, eu e meu filho, que por sinal é meio viciado em humor.
Voltando ao texto sobre a teia, quem não se identifica com a borboleta? Em ficar amiga daquela pessoa tão boazinha e depois, créu, dançou...mas com certeza também deve ter muita gente que se identifica com aaranha, mas essas não vamos saber nunca..rs

Priscilla disse...

Oii...obrigada pelo comentário!!
Tb gostei muito do seu blog!!!
Volte sempre que voltarei aqui mais vezes tb!
bju

Dany Lima disse...

Olá :)
Obrigada pela visita!
Estou te seguindo aqui =p

Eu também não tenho conseguido me dar bem como aranha no que se trata de relacionamentos amorosos rs'

ps: ainda não lí tudo, só os 2 primeiros posts, mas está de parabéns!

Beijo :*

Bianca Bloise disse...

Curti muito o que vc escreveu,assuntos atuais, do dia-a-dia, animado e um "quê" de irreverência.
Já estou seguindo o seu blog, só falta vc seguir o meu MEMORIASDEBIA>BLOGSPOT.COM

Maria Dias disse...

Olá,

Vim conhecer o teu espaço e não é q gostei?rs... Vc escreve de uma forma q prende a gente, sem falar q tb sou Rio até meu dedão do pé!rs... Vou te linkar mas não pq vc me visitou mas sim pq gostei mesmo do q li e vi.Seja bem vindo tb ao Avesso, meu universo escrito aonde minhas palavras voam...

Beijão

Maria Dias

Patrícia Gonçalves disse...

Ok, você ganhou, não precisava apelar (rsrsr)! Gostei da idéia, vou usar a sua técnica, vamos ver se consigo um crescimento exponencial!

Gostei do texto sobre os relacionamentos, esperto você!

Gosto das aranhas, das teias emaranhadas...,ainda mais da viúva negra, coitada, com fama injusta. O macho morre por incompetência, ela simplesmente o devora pra evitar o desperdício. Odeio desperdício.

A propósito, adoro dirigir em alta velocidade!

Vanna disse...

rsrsrsrs
O final foi perfeito.
Abraços, volte sempre q puder e quiser.

Iracema Medeiros disse...

Oi Paulo!
Vim retribuir a sua visita e ganhei de presente descobrir o seu blog.
O humor é uma forma muito inteligente e sutil de falar de coisas muito sérias!
Parabéns! Adorei e vou acompanhar!

Aprendendo com as TICs disse...

Show!!! Parabéns!!! Abraço carioca pra vc.

g@tos de ru@ disse...

Oi Paulo vim agradecer e retribuir sua visita, tb não conhecia seu blog ... gostei muito!
Voltarei para ler seus posts . Vou te seguir viu ...
Um beijão carioca ! rsrs

Anita Coutinho disse...

Tem sentido!
Gostei do que escreveu! Como trabalho com esse tema fica fácil identificar várias coisas do que disse na prática cotidiana, claro que menos alegórico. (mas isso é o charme do humor!)

Sempre que der tente acompanhar as postagens do "jogando o buquê". Frequentemente coloco coisas meos voltadas para a situação do casamento em si e mais para a dos relacionamentos.

A gente vai se acompanhando.
Eu aprendo bastante com isso!

Sucesso!
Até mais,
Anita.

O MUNDO DE" SISSI SPENCER" disse...

OLA QUERIDO MUITO OBRIGADA PELA VISITINHA ,ADOREI SEU BLOG TAMBEM E VIM RETRIBUIR O CARINHO.BJOS

Dany Olhos azuis. disse...

Paulo, primeiro, o obrigada pela visita ao meu deserto diário que fica por aí, vagando como um "blog" :) Segundo, adorei os seus, mas esse texto em particular, realmente me tocou um pouco; depressãozinha de leve, pode ter certreza que voltarei mais vezes aqui...

Valeu,carioca!

Carol Pimentel disse...

Oi Paulo,
Somente agora pude retribuir a visita ao meu blog.
Realmente o meio social é ardiloso. Todos tecemos teias, porque através delas nos relacionamos com os demais. Ora puxamos os fios para abocanhar a presa, ora afroxamos os fios para que a presa se solte, ora mantemos os fios imóveis porque ainda não tomamos a decisão do que queremos. Mas acredito que todos somos assim. Vivemos em um mundo de rivalidade e aprendemos desde pequenos que a lei da seleção natural [somente os fortes sobrevivem]. Então, reproduzimos isso em todos os âmbitos de nossas vidas.
Adorei seu espaço. Virei aqui mais vezes.
Beijos
Carol

Anna Mindu disse...

Querido Paulo: Gostaria de agradecer seu gentil e amável comentário em meu blog. Quero oferecer minhas congratulações pela excelente e inteligente crônica.
ESPETACULAR! Mande notícias heim conterrâneo!
Cuide-se aí e fique com Deus.
Beijos.
ANNA

Amanda Solon disse...

Paulo !. Obg por visitar meu blog , fico muito feliz que você gostou , é de coração o que escrevo *-*
Amei o seu blog também !. pode deixar que voltarei mais vezes e comentarei (:
você também é muito bem vindo para comentar no meu :DD
beijos , abgçs .

Anselmo disse...

Muito bom!

Aline Thompson disse...

Gostei do seu blog também!
Fico muito feliz que tenha gostado do meu blog! Bom demais saber que mereci elogios de um blogueiro com um currículo como o seu!
Também vou passar sempre por aqui!

...beijinhos**

Raíssa Hamond disse...

Boa noite!
Obrigada pelo comnetário no meu blog. Que bom que vc gostou. Seu blog tb é muito legal e tem várias fotos lindas da nossa cidade maravilhosa!!
abs,

Raíssa Hamond

Sophia Pazos disse...

Olá!
Vim retribuir a visita feita ao meu blog. Obrigada pelo convite.
Puxa, achei seu texto genial!
Me encaixei em borboleta ingenua, aranha ( pq não? ás vezes por imaturidade erramos, somos humanos, não é verdade?)
Essa questão da mulher que se torna meio que submissa ao homem, pois acha que não vai achar ninguém melhor, não valoriza suas capacidades e tal...
Somos responsáveis pelas escolhas que fazemos na vida, o importante é não se arrepender delas depois. Vejo essa situação com várias pessoas todos os dias, algumas estão felizes, outras amarguradas...
Por mim, posso falar que abri mão de algumas coisas, mas porque quis. Relembrando todo o histórico de minha vida (24 anos), optar por alguns caminhos foi fundamental para fazer de mim oq sou hoje, e enquanto houver felicidade, nesse mesmo caminho seguirei.

Flávia Côrtes disse...

Olá! Vim retribuir a visita ao meu verso... e estou por aqui te lendo. Te lendo e adorando! Bom humor, inteligência e texto saboroso de ler. Muito bom mesmo. Beijos, Flávia

Amanda Andrade disse...

Olá,
Obrigada pela visita em meu blog!
Achei seu blog muito interessante também e estou te seguindo aqui!Abraço.

Lari Rodrigues disse...

É lendo essas coisas que eu me pergunto se o amor de fato existe ou se não é apenas como diz o mestre domingos " o efeito colateral do sexo" ou um neócio aparentemente seguro que além de com o casamento dar uma falsa estabiidade financeira, dar também satifa pra siciedade porque as pessoas se preocupam demais com a opinião dos outros. por isso que Simone de Beauvoir vai ser pra sempre minha diva!
Mas que aranha safada, coomeu a borboleta...hum ê laia!

Alessandra Xavier Personal Trainer disse...

Olá, obrigado pelos comentários em meu blog.
com relação a lombalgia, posso indicá-lo primeiramente consulta a um ortopedista para avaliar melhor o grau em que se encontra sua postura, a integridade de suas vértebras e se é simplesmente uma lombalgia ou se tem uma hérnia ou qualquer outra inflamação.
Depois disso uma aula de pilates com fisioterapeuta e RPG é muito válido para vc, aí te indico a clínica Fisiohuman(dê uma olhada no site), só que trabalho lá com hidroginástica para terceira idade e por último o trabalho de personal para fortalecimento dos músculos paravertebrais, os dorsais e todo corpo.
Espero que tenha ajudado, qualquer coisa deixa recado de novo valeu?

Geisa Machado disse...

Oi Paulo!
Pois é, meu querido, o que mais o ser humano sabe fazer é tecer teias para abocanhar as suas vítimas (seja nos relacionamentos amorosos ou sociais). No final todos somos vítimas deste (e neste) mundo animal.
Gostei do seu novo layout! Ficou show de bola!!!
Bjussss

*Simone Fernandes* disse...

Oi Paulo, fico muito honrada e agradecida por sua visita ao meu blog. Muito obrigada de coração!

Gostei muito do seus textos. Muito bem escritos e muito bem humorados... mas também cheios de realidade.
Parabéns por esta maravilhosa percepção!!!

Um abraçãoo,

*Simone*

angel red disse...

Obrigada pela visita. Volte sempre.
Gostei de seu cantinho. Voltarei sempre que puder.
bjoks

balletdasborboletas disse...

Gostei da analogia entre a mulher e a aranha. Mas me pergunto se haverá uma também sobre o homem sentimental, inteligente e bonzinho, que sabe partir corações e enganar perfeitamente.
Eu faria entre ele e o escorpião: parece bom só que seu veneno está escondido no rabo.

Duca disse...

Oi Paulo,

Obrigada por seu comentário lá no Tempus Blogandi.
Segui o seu conselho e vim aqui "dar uma vista de olhos" e adorei suas crónicas satíricas. Muito actuais!
Também serei uma leitora assídua deste seu blog.
Saudações de uma portuguesa que gosta tanto do Rio de Janeiro que até se apaixonou por uma carioca "da gema".
As imagens do Rio são belíssimas! Puxa, que saudades dos Janeiros passados no Rio junto da minha carioca!
Abraço para si.

Mil disse...

Paulo,
parabéns!!
fantástico esse texto super bem elaborado e as imagens tbm! show!! gostei mesmo...voltarei sempre.

Cintia disse...

Adorei... Mas nada a falar.

dany padilla disse...

fantástico o texto... e homens que desejam aprisionar mulheres merecem mesmo atitudes como a "aranha" do final do texto, que o enrola para que ao menos consiga "viver" um pouco, nem que seja em uma utopi.
Abraços e muito obrigada pela visita em meu blog
Dany Padilla
www.comqualroupa.com.br

Letras Express !!! By Aline Braga disse...

Obrigada pela visita em meu blog!!!
Passei aqui no seu blog e tb gostei bastante dos seus textos, todos bem elaborados e bastante criativos...parabéns!!!
Voltarei mais vezes!!!

Bjs Aline Braga

Mirtes disse...

Paulo!!!

Olha eu aqui, menino nunca vi tanta engenhosidade e graça na sua postagem, ainda bem que você me avisou rsrsrs. Quanto a ladainha de homens ciumentos ao extremo, nunca cai nessa, mando logo vazar ou então leva um par... rsrs

Bjssss querido, voltarei logo.

Bruna Fernandes disse...

Uau! Fiquei impressionada com a sua capacidade de síntese e clareza na escrita.

Gostei muito do seu blog...vim aki retribuir a sua visita ao 'Faz de Conta' e fiquei impressionada!

;)

Vanessa Mebus disse...

Que bom que você gostou do meu blog Cinefilia Aguda!Fiquei muito feliz com o seu comentário!
Gostei muito desse post, principalmente da fábula da borboleta e da aranha. Afinal de contas, essas coisas realmente acontecem na nossa vida!

Bjaum

Marcinéia Oliveira disse...

Paulo,

Gostei do seu texto.Nas empresas observamos muitas aranhas iludirem muitas ingênuas.Os conflitos de relacionamento não só atrapalham o desenvolvimento dos profissionais envolvidos, mas também o da equipe. E no fim todos saem perdendo.

Sucesso!

Marcineia Oliveira
Inner Smart consulting
www.marcineia-oliveira.blogspot.com
www.innersmart.com.br

Bena disse...

nao tive tempo de ler tudo mas vc me fez lembrar um dia em que passei em Buzios e passei eu e uma amiga, toda a noite a apreciar uma aranha a levar um pedaco de aranha pra casinha dela...juro, foi hilario ,uma
batalha, foram horas de espera mas a aranha levou, obrigada por ter gostado do meu log,bena

Dom Quixote (Thomaz) disse...

Olá, Paulo. Obrigado pela visita ao nosso bloguinho. Texto bem interessante este seu. Viremos com constância comentar. Aquele amplexo!

Marcelle Seba disse...

Lei da sobrevivencia.
Somos um bando de animais, de terno e gravata,disputando uma colocaçao privilegiada na cadeia alimentar, e nada mais.

mt bom...

agradeço a visita...
;)

Marcelle Seba.

Meias de Seda (Suzy) disse...

Oi, Paulo.
Passando para retribuir a visita e conhecer o seu blog.
Gostei muito dos seus escritos e voltarei outras vezes.
Um abração carioca pra você tb ;)

Maria "A Carioca" disse...

Olá Paulo!
Adorei o texto e vou passar por aqui sempre.
Parabéns!!!!
abs
Carioca

Flávia Azevedo disse...

Parabéns Adorei seus textos e seu blog.... Voltarei sempre por aqui e até repostarei textos seus em algumas vezes no meu sitespicío...rs

Obrigado pela tua visita lá viu gostei muito!

Abraço

Daniella Fleury disse...

Olá!
Só vi seu comentário no meu blog hoje. Fiquei muito feliz com as suas palavras, de verdade!
Estou correndo um pouco agora nas últimas semanas de aula da faculdade então to com pouco tempo para ler os blogs (coisa que adoro fazer) mas li esse texto e adorei!! Também voltarei aqui mais vezes com certeza.
Beijos, Daniella.

Tute Braga disse...

Olá, Paulo! Obrigada pela visita!
Muito interessante seu blog!
Minha prima quase-psicóloga costuma dizer que os "sintomas" se encaixam qd nos relacionamos com alguém... é mais ou menos o que vc disse!
Parabéns pelo blog!
=D

Abraços cariocas! hehe

Princesa disse...

Obrigado pela visita ao Flor de Princesa..virei sua seguidora.Seja bem vindo!
Flor

Nina Oliver disse...

moral da história...mulheres são perigosissimas! hahaha ainda mais se forem mal tratadas!
que bom q vc gostou do meu blog! =) gostei da tua crônica tb! beijinhos

Ariani disse...

Paulo, já estive aqui uma vez e passei horas lendo suas crônicas...

Nem deu tempo para postar um comentário!

Fiquei encantada com sua inteligência e perspicácia!

Seus textos são ótimos, com um olhar contemporâneo e bem humorado sobre a vida!

Conseguiram prender minha atenção e me fazer esquecer do tempo!

Beijos Ari

Pryscilla Gomes disse...

Muito bom!rs

Ale Santos ♥ disse...

Oi! Concordo com o texto! A vida é assim mesmo! No outro dia estava conversando com minha mãe sobre isto, de como a gente não sabe mesmo o que o outro realmente quer dizer quando fala uma coisa. Ele pode te falar algo lindo sorrindo, mas no fundo achar que vc é um idiota. Por isso muita gente prefere um cachorro a gente!
bjs e me siga lá tb no meu blog:
http://miss-grape.blogspot.com/

Renata Nóbrega disse...

Dei uma olhada no blog rápida, mas gostei muito do que encontrei, parabéns!

Bella disse...

Oi Paulo,

Obrigada por visitar meu blog, que bom q vc gostou! Não conhecia o seu blog e adorei!

Você escreve super bem e o seu texto "teia de aranha" é muito bom, adorei. Me fez em pensar em uma serie de coisas... Vou aproveitar para ler alguns textos mais antigos... E certamente voltarei aqui mais vezes!

Abs,

Isabella

Mari Amorim disse...

Passei para ler e desejar um excelente final de semana,
Boas energias,
Mari

☩ Aɳɑ ☩ disse...

Olá Paulo, tudo bem?? Vim retribuir a visita e dizr que adorei o blog.A criatividade aqui é 10.Adorei mesmo.Bjs

Maria José disse...

Que forma inteligente de agir!!! Gostei do final da história. A mulher embrutecida, dependente, inculta deu a volta no forte, decidido e machão marido. Sobrevivência. Gosto do jeito que escreve. Parabéns. Beijos e ótimo final de semana.

Katia disse...

Paulo,

Vim agradecer a visita ao DE TUDO UM POUCO e conforme prometido, estou vindo visitar o teu blog.

Nossa! Você é um profissional, rsss o meu blog é "simplinho". Parabéns pelos textos e pelas lindas fotos. Adorei!

Cecile Az disse...

Meu filho pediu para eu contar a ele uma história assustadora antes de dormir, e eu contei a sua história para ele. rsrsrs mas adicionei uma ação final a ela. O camaleão aparece depois e abocanha a aranha (e a borboletinha junto, claro). Ele adorou a história.

abraços.

Marce disse...

Paulo, gostei muito do que vc deixou no meu blog! E, em retribuição, não só ao seu elogio, mas também a sua inteligência, apenas posso dizer q vc é perspicaz e muito verdadeiro em suas palavras. Sempre q der dou uma espiadinha pra conseguir ler mais dos teus escritos. Abraço e muita inspiração na sua vida.

Marce disse...

Paulo, gostei muito do que vc deixou no meu blog! E, em retribuição, não só ao seu elogio, mas também a sua inteligência, apenas posso dizer q vc é perspicaz e muito verdadeiro em suas palavras. Sempre q der dou uma espiadinha pra conseguir ler mais dos teus escritos. Abraço e muita inspiração na sua vida.

Raquel Wainfas disse...

Muito obrigada pela visita, também gostei muito do seu blog, e voltarei aqui SEMPRE com certeza!
Já estou seguindo.
E sobre o texto, o que tenho que fazer é concordar e pode ser até de olhos fechados, pra poder manter os olhos beeem abertos em quem nos tenta passar para trás.
Um grande abraço

milena BS disse...

eu adorei isso *------*
é muito verdadeiro
ta de parabéns

Garota Prateada disse...

Olá, Paulo! Vim retribuir a visita! Eu achei que eu e meus amigos éramos os únicos que líamos o meu blog! Que surpresa agradável!! Adorei o tema do dia em seu blog e sei exatamente do que se trata. Quem nunca se envolveu numa situação com alguém extremamente dissimulado que atire a primeira pedra! rs.. Essa história que você contou sobre a mulher e o vizinho, me fez lembrar uma história com um conhecido meu, rapaz astucioso e leviano, que faz todas as suas namoradas sentirem ciúmes da mulher X, que é inalcançável pra ele, pois enquanto elas se mordem de raiva da X, não percebem que ele se delicia com a Y, Z, A, B, C... rsrsrsrsrsrs... Beijos e prazer em conhecê-lo!

Leticia Moraes disse...

Oi Paulo, obrigada pela sua visita ao meu blog. Vim retribuir a visita e também parabenizá-lo pelo seu. Muito interessante leitura, por sinal. Gostei. Vamos continuar trocando figurinhas. Voltarei aqui!

Marina Simão disse...

gostei bastante do seu blog também!
parabéns!

Maria Goreth disse...

Paulo, é um prazer ter a tua visita. Aliás, essa coisa de blog é mt interessante. Não sou mt safa, comecei só pq queria compartilhar algumas coisas legais do dia a dia, mas to aprendendo. O curioso é que vamos conhecedendo pessoas com o mesmo perfil. Vou vir te "visitar" tb, pois quero ler com calma teus outros artigos. Até breve!

Janes Rocha disse...

Paulo
estou um pouco chocada com sua visão negativa do casamento e das mulheres. Mas acho que vale o alerta, sim, muita gente precisa ler isso. bjs
P.S.: amei as fotos que ilustram teu blog, o Rio de Janeiro é lindo de morrer...

Lorena Querevalu disse...

Muito bom! A vida é mesmo feita de teias, as mais imprevisíveis!
Parabéns meu caro!

Bruno Miranda disse...

Oi, sou do Just Kylie. Adorei seu Blog tbm... Parabéns! E obrigado pela visita e pelo seu comentário! abraço carioca!! rsrs... to seguindo....

Otami disse...

Boa noite Paulo Tamburro, fiquei feliz ao ver seu comentário,
Achei que ninguém leria meu blog, seu comentário aumentou minha auto (baixa) estima ^^
e achei muito legal sua postagem da teia de aranha, e digo mais, não gosto de caras fortes, que acham-se os donos do mundo, prefiro os fraquinhos gentis e de bom coração ^^, sou muito simples...simples até de mais, bem, eu vim agradecer seu comentário, e comentar também, passarei a ler mais seu blog, toda vez que eu entrar na Internet irei ver seu bolg,
bem, já estou saindo, então tenha uma boa noite, e até um dia^^
beijos e abraços.

robrobinho disse...

Muito bom o início!
Gostei da explicação sobre a diferença competição/conflito.
O final, porém, é broxante. Ávido por mais pensamentos filosóficos me vi nas teias da "paularanha" lendo sobre um tema tão relevante qnto as novelas do Maneco ambientadas - sempre - em Copacabana...

fikdik disse...

Oii Paulo Tamburro, fiquei muito feliz ao ver seu comentário no meu blog, até porque eu achei que ninguém iria ler, é legal saber que alguém se interessou pelo meu texto, obrigada mesmo !
E olha, ameeeeeei demais seu texto. Realmente me identifiquei.
Parabéns e sucesso pro seu blog,
bgs !

Daniel Savio disse...

Mas Paulo, também tem homem que envolve a mulher em teia parecida, então é melhor que os dois sentem e descutam para não deixarem a relação virar uma armadilha pegajosa para ambos (na qual o prazer se resume a anular a vida do outro e não boa gozadas mutuas)...

Fique com Deus, menino Paulo Tamburro.
Um abraço.

rosane franco disse...

Paulo obrigado pela visita ao meu blog. Gostei muito do texto.
acredito que so existe duas maneiras de relacionar: por amor ou por interesse. até!

rosane franco disse...

Paulo, obrigada pela visita ao meu blog. Gostei muito do seu texto, já sou seguidora.
acredito que só existem 2 maneiras de se relacionar: por amor ou por interesse. até!

Glaucia Cantergiani disse...

Olá Paulo,

Demorei mas cheguei. A recíproca é verdadeira: também achei bastante interessante seu blog. Na atual conjuntura, o humor é peça nobre!

Tudo de Bom!
Glaucia

Coisas que falam por Elielza disse...

Paulo, tambèm adorei seu Blog e pode ter certeza que voltarei sempre...Grande Abraço!

Derland disse...

Seu blog e excelente, seus textos também são ótimos, vou tentar me inspirar no seu blog para melhorar o meu, se quiser depois e só da uma olhada o link ta logo a baixo: http://derlandreflexivo.blogspot.com/

Dayse Sene disse...

Incrível como você conseguiu me prender ao texto.
Adorei a sua análise profunda da mulher aranha.
Genial!
Saudades já sentia de vir aqui ...mas cada vez está melhor as suas crônicas.
Parabéns meu querido.
Uma noite magnífica.
Abraços meus.