O CARDÍACO


Certas pessoas carregam consigo o eterno e sombrio medo de uma doença.

São os hipocondríacos que podem ser polivalentes,quando acreditam terem dezenas de doenças simultâneas e tomam muitos e variados remédios indiscriminadamente, sem a menor preocupação de se intoxicarem.

Porém, existe aquele que elege uma doença, e com ela convive muito tempo!

O Adamastor é um caso típico.Emprego bem sucedido em uma grande multinacional, tinha da empresa um plano de saúde que cobria até os seus pés em dias de frio. Era completo. E a generosa empresa ainda pagava-lhe também,os remédios,exames , enfim, uma verdadeira mãe médico-hospitalar!

Adamastor descobriu que era cardíaco, tinha sopro no coração, o que espalhava para todo mundo até com certo orgulho e uma cara de idiota sofredor e carente.

Sua mulher o deixou um ano depois.Dizia que ele não queria sobrecarregar nenhum músculo do corpo e ela cansou de esperar, por "aquele" músculo que ficava tão longe do coração dele e tão perto, das suas mais legitimas fantasias libidinosas, funcionar.E Adamastor... nada!
Seu médico mandava ele fazer exatamente, o contrário, mas Adamastor queria curtir aquele "sopro", como se estivesse dirigindo um carro Ferrari Testarossa e vermelha!

Cuidadosamente!

Se ele fosse um iatista a sua embarcação jamais sentiria calmaria no mar, pois um sopro nas velas destes barcos é tudo que se deseja.

Em festa de aniversário o seu sopro deixava a criança aniversariante sempre chateada, pois era ele quem sempre apagava todas as velinhas. Tinha sopro de sobra!

Várias consultas por mês, exames caríssimos, remédios aos quilos, tudo patrocinada pela sua generosa empresa.

Sua conversa era uma verdadeira ventania, pois não tinha outro assunto.Quem encontrasse ia logo perguntando ou pé do ouvido:

-Você também, também, tem sopro no coração?

Qualquer que fosse a resposta do interlocutor, Adamastor deitava falação sobre sua pior e “gravíssima doença”, cultivada com muito carinho amor e abnegação.

Andava feito um bonequinho de louça, devagar, respirando compassadamente e poupando o mais possível as suas energias.
Sua alimentação era semelhante a dos coelhos ou urso-panda, exclusivamente folhas e legumes, pois nada podia forçar-lhe a digestão e quem sabe, possivelmente exigir muito do seu “sôfrego” e exagerado sopro do coração.
Um belo dia Adamastor foi à cidade e passou embaixo de uma construção . O andaime despencou-lhe na cabeça. Adamastor teve afundamento craniano e, segundos antes de morrer, pelos ferimentos fatais e irreversíveis,estas foram suas últimas palavras ao médico da ambulância em plena via pública:

-Doutor , muito cuidado,pois tenho sopro no coração.

Foram os seus últimos suspiros!

45 comentários:

Sandra Botelho disse...

Hipocondria é fogo mesmo.algumas pessoas acreditam piamente que são doentes e sentem todas as dores e sintomas.
Conheço alguem bem assim.
Coitado do Adamastor
Bjos achocolatados

Adriana Campos disse...

me lembrei de uma pessoa,igualzinha ao Adamastor,rsrs.

bjs

PSICO? LÓGICO! disse...

Olá!!!

Desculpe minhas ausências...
Mas espero agora recomeçar e para isso te convido para participar da comemoração de dois anos do meu blog!!! Apareça por lá e concorra a um livro!!!

Enorme abraço.
http://psicologico-al.blogspot.com/2010/10/ano-ii-blogagem-coletiva-e-convidadas_4669.html

*Mi§§ §impatia* disse...

Eu tb conheço uma pessoa assim e vivo dizendo......vc não tem nada....se preocupa tanto com isso e vai acabar morrendo de outra coisa.....igualzinho o protagonista do seu post...rs
Vem cá..... sentindo falta se vcs em meus cantinhos sabia? Vi seu e-mail..... e eu adoro-te sim...de verdade seu bobo...... nossos horários não estão batendo no msn, é por isso......mas vc tá lá sim rsss
Beijos querido.

Daniel Savio disse...

Hua, kkk, ha, ha, nem sempre a morte vem de onde mais esperamos, não é?

Fique com Deus, menino Paulo Tamburro.
Um abraço.

Nara B. disse...

olá, brigada pelo comentário! seu blog é mto legal, os textos são ótimos!!
bjs

Filosofia & Sociologia LJA² disse...

olha, gostei muito do seu blog.
Da pra ver o meu, eu abordo todo tipo de situações do cotidiano >> http://somossereshumanoslja.blogspot.com/

Renata Zakhem disse...

Adamastor era um cara bem limitado...precisando criar um bom motivo para se explicar, para não se explicar. Ele se identificou com a pior das coisas...com a doença!
Ninguém ajudou Adamastor a descobrir a vida e por isso ele morreu...
kkkk, quase cruel, mas existem muitos deles por aí, cada um com a sua prisão.
Passa lá no meu blog... a última postagem tá bem bacana, fala de imagem e ações_ marca pessoal.
Abração!

Cantinho de Aninha disse...

OI PAULO, AQUI É ANA RITA DO CANTINHO DE ANINHA, VC ME PEDIU PARA AZER UM COMENTÁRIO SOBRE A SEXUALIDAE, NO MEU BLOG TEM O TEM RELACIONAMENTO CONJUGAL, OLHA LÁ, VEJA SE TEM ALGUMA COISA QUE INTERESSE A VC PARA VC POSTAR AÍ, FIQUEI TRISTE PORQUE NÃO FOI MEU SEGUIDOR, RSRRS, BEIJOS

Tania disse...

Oi, Paulo!

De fato, o que pode haver de mais sério - neste planeta - senão o humor?

Parabéns! Ótimos textos de humor inteligente.

Um abraço!

Estar ou Não Estar disse...

Ola Paulo. Ótimo texto. Gostaria de fazer uma sugestão. Você poderia dar continuidade a essa história com que seria o antônimo do hipocondríaco (não achei esse antônimo). Seria uma história daquele tipo de cara que por exemplo sente uma dor na nuca, procura um cardiologista e esse diz "você tem pressão alta deve se cuidar" não satisfeito ele procura um segunda opinião, terceira, quarta, quinta.... no décimo terceiro cardiologista esse diz "você não tem nada, você é um garoto". Tai esse é o melhor médico do mundo.
Que tal?

Um abraço do macaco.

Lari Rodrigues disse...

Muito bom seu texto!
Admito que tenho lá meus momentos de hipocondria, mas o adamastor é demais!
Beijos

Vanessa de Paula disse...

Obrigada pela visita em meu blog! Se quiser, gostaria que avaliasse meu texto O dia em meu blog. Adorei seus textos, as imagens são excelentes para dar mais enfâse.
O fantástico de seus textos é que o Senhor consegue pegar temas simples da atualidade e tranforma-los em textos legais e objetivos. Parabéns, pelo trabalho!

Márcia disse...

Olá Paulo, show seu blog... criativo, colorido e de conteúdo. Vida longa a ele!

Julise disse...

Oi Paulo, obrigada pela visita!
Adorei seu blog!
Será sempre vindo ao meu...não escrevo só coisas engraçadas, mas aceito críticas e sugestões!
Um grande abraço :)

Maria José disse...

Tanto cuidado... para acelerar a sua passagem... Coitado do Adamastor!!! Grande abraço.

Solange disse...

Paulo,

Mais um texto inteligente e bem humorado... eu sou o Adamastor ao contrário... risos... detesto médicos, remédios e afins...

Obrigada pelo comentário que fez lá no "Eucaliptos...". Mulher é dotada mesmo dessa dualidade interna... e talvez hoje soframos pelas renúncias de ontem, pelos caminhos tortos que talvez tenham sido escolhidos... mas enfim, como evitar o amor, seja ele retilíneo ou espiral ?!?!

e vamos vivendo...

quem sabe hora dessas a gente acerta ?!?!

beijo grande e especial, viu ?!?!?!

estava com saudade...

Marcinha disse...

Pessoas assim desviam sua atençã do seu problema real.
Abrços!

Elisa Victor disse...

Obrigada por visitar meu blog...
Nossa amei a parte do suspiro!!Belo blogg tb!!

Vi Tulio disse...

A pré-ocupação tira o foco do que realmente está ocorrendo no tempo presente!
Morrer pensando no que pode vir a acontecer é Alienação pura!!!
Adorei Beijos

Airynne disse...

Olá...muito obrigada por visitar meu blog, e adorei o seu \ô/
Muito engraçado...rsrsrs

Abraço nordestino!!! rsrsrs

Lais Castro disse...

Olá, aqui estou eu retribuindo a sua visita ao meu blog! Seu blog também é bem bacana... vejo que vc tem muitossss seguidores. Parabéns!
Ah... vou visitar os outros.
Abraço,
Lais.

Karla disse...

Retribuindo a visita ao meu blog e agora seguindo o seu, que por sinal é hilário. Estarei mais vezes por aqui.

Abçs!

Andréa Aragão disse...

Paulo ! obrigada pela visita !
Também gostei de seu blog. Posso por um link na minha lista de favoritos?
Abraços Pernambucanos

Paula disse...

Olá Xará, muito obrigada pela visita e elogio! Tb estou te seguindo e espero sua visita por lá!
bjo recifense!

Dona Milu disse...

União feliz do texto com as ilustrações. Gostei muito do seu blog e obrigada pela visita.
Cheiro.

Aracy Crespo disse...

Paulo!

Adorei a postagem e principalmente o blog!O Rio de Janeiro continua lindo.
É tem que ter cuidado mesmo com a saúde.

Estou te seguindo e adicionando a minha lista!

Obrigada pela visita e comentário.
Voltarei outras vezes!

Uma linda tarde!

Abraços,
Aracy

Flavia de Castro disse...

Oi, Paulo. Gostei desse novo texto. Esses dias estava meditando exatamente sobre isso: pessoas que gostam de ficar doentes. Na prática elas existem. Desculpe por demorar tento em lhe dar uma resposta sobre quando você deixou um comentário em MINHAS MENSAGENS DE FORTALECIMENTO. Foram algums lances da vida que desviaram minha atenção. Há mensagens novas. Se quizer ler, estou a disposição. Um grande abraço! Flavia de Castro.

rosa guerrera disse...

OI amigo Paulo , recebí sua visitinha no meu blog, e o convite para conhecer o seu.Achei sensacional a maneira como voce se expressa , a sua criatividade , e o seu senso sério dentro do humor .Parabéns , e fique certo , continuarei assidua em visitar o seu blog. Rosa Guerrera
http://blogflordapaz.blogspot.com

♥Sempre perto do coração♥ disse...

Olá, seu blog é ótimo, já estou seguindo, e coloquei em favoritos qdo der entre no meu tb e se quiser pode me seguir.

http://semprepertodocoracao.blogspot.com/

Bjão

Roberta

Roberta Souza disse...

Olá!!!
Estou passando aqui para dizer que estou sorteado uma linda caixinha de boneca de biscuit.


Partcipe!!!


http://robertaasouza.blogspot.com/

Roberta Souza

beijos

Audrey Andrade disse...

Caramba, Paulo, que homem é esse?! rsrsrs
Eu AMO muito o seu blog, porque não tem como ler um texto e não identificar um conhecido às vezes mais próximo que qeremos rsrsrs
É bom demais poder ler algo que nos faz refletir e rir sem para!

Beijoquinhas!!!
http://pequenocaminho.blogspot.com

hesseherre disse...

Eu acho extraordinária a oportunidade com que v. encaixa texto com imagens, esta dos suspiros é 1000, sempre agradável visitar teu blog Paulo...cada vez melhor.
Grande abraço.(Brasileiro)

Nada mais disse...

Já faz algum tempo que venho retribuindo a visita ue fizeste ao meu blog. o único problema é que esqueci de comentar =x
Gostei dos textos, parabéns! Eu ri com esse Adamastor. Gostei da maneira com qual trata de tantos assuntos.
Continue assim o/
Abraço,
Stephanie ;D

katia nascimento disse...

Fantástico! Utilizar de várias tipos de textos para dizer o que se quer é criativo e surpreendente.

Parabéns!

Abraços gauchescos

Aline Santana disse...

Oi, obrigado por comentar meu blog... não é de utilidade pública mas ao menos dá para dar uma risadinha ;). Manda seu contato pra mim (e-mail, msn, orkut, facebook, twitter, badoo ou seja lá o que você tenha), estou indo ao Rio de novo (não só eu... uma galera) e como não quero que você reclame comigo por não ter te avisado... eu pego seu contato e a gente se fala. Beios e fica bem!

Elisa disse...

Muito boa esta. Vou mostrar pra minha amiga que é super hipocondriaca.

Obrigada pelo convite e passe lá no Dia de Meninas quando puder.

Parabéns pelo blog.
Elisa, Giu e Clara
http://diademeninasbsb.blogspot.com

Armanda disse...

oi tudo bem obrigada pelo convite!
adorei seu blog, Adamastor kk as ultimas palvras kkk

um abraço fique com Deus!

Fábio Menen disse...

Seu blog é muito bom! Mano, gostei mesmo, vou me deliciar em seus textos. Inteligente e subversivo, isto é blog que vale a pena ler. Grande abraço.

hesseherre disse...

"-Doutor , muito cuidado,pois tenho sopro no coração."

- Não se preocupe, amigo, nós somos do SUS...tás ferrado!...

lmady disse...

Exatamente a uma tia minha,que quebrou o calcanhar e ficou mêses na cadeira de rodas;só falava "daquele pé" e por fim colocou no MSN o RX.
Será carência?

Daniela disse...

Olá !!!! Faz tempo que não venho aqui no seu blog ..
Adorei o post dos hipocondríacos..conheço mta gente assim...
Nas será só hipocondria, não seria carência ?
Pq td que é exagerado, nos faz ver demais as coisas, num ângulo só nosso, e muita das vezes um ângulo nada real.

Abs e bjo

shan-Tinha disse...

oiiii
quer conhecer um blog que solta labaredas? então visite "O ELEMENTO FOGO" da Larissa Bohnenberger vc vai gostar!!!
desejo a vc e aos seus que em 2011 todos tenham muito que "lazer" como só o carioca sabe, com direito à rede, vento suave, céu de brigadeiro e um sol da meia-noite que aqueça sem nunca se pôr!

shan-Tinha disse...

“Morre lentamente quem não viaja, quem não lê,
quem não ouve música, quem não encontra graça em si mesmo,
quem destrói o seu amor-próprio,
quem se transforma em escravo do hábito,
repetindo todos os dias os mesmo trajetos,
quem não muda de marca, não se arrisca a vestir uma nova cor
ou não conversa com quem não conhece, quem evita uma paixão.
Morre lentamente quem não vira a mesa
quando está infeliz com seu trabalho,
quem não arrisca o certo pelo incerto para ir atrás de um sonho,
quem não se permite pelo menos uma vez na vida
fugir dos conselhos sensatos,
quem abandona um projeto antes de iniciá-lo.
Evitemos a morte em doses suaves,
recordando sempre que estar vivo exige um esforço
muito maior que o simples fato de respirar.
Somente a perseverança fará com que conquistemos
um estágio esplêndido de felicidade”.
Pablo Neruda
Feliz 2011!!!

Lucia Regina disse...

Olá, Paulo

Você foi ótimo e ironizou bem. Os adamastores da vida sempre morrem de outra causa sem ser de suas hipocondrias.


Um abraço

Lucia Regina