TEREZA MARGARIDA: A DEBUTANTE QUE NÃO DEBUTOU.


Estava sentado na minha cadeira de praia em um destes verões com temperatura média de quarenta graus, vendo as situações mais estranhas e inusitadas ao meu redor. Então recordei de uma festa de debutante, à qual fui quando, na minha adolescência, e era num dos subúrbios do Rio de Janeiro.

O nome da menina era Tereza Margarida, com seus muitos quilos, além do desejado,um rosto absolutamente lindo, redondíssimo e muito simpática com aquele longo e espalhafatoso vestido alaranjado, com uma coroa de pedras, logicamente falsas na cabeça e muitas jóias de 1,99 espalhados pelos dois braços , por cima das mangas compridas do vestido.Coitada, e ainda estava com conjuntivite aguda , nos dois olhos o que a obrigava, usar óculos escuros.

Logo que cheguei me deram um copo de groselha para tomar, e era impossível tomar um só, pois estava tão forte e doce que você tinha que tomar um atrás do outro e a sede só piorava.

A Tereza Margarida estava ao lado do bolo, recoberto daquele creme branco, com duas velas que significavam, quinze anos. As velas eram enormes para o bolo.

Ao lado dela mais cinco garotas com vestidos daquela mesma cor desgraçada , meio alaranjada e mais cinco rapazes de terno e gravata cada um de uma cor diferente.

A festa era em um galpão de uma charutaria, de onde exalava um cheiro de folha de tabaco insuportável, e havia uma enorme estrela amarela no chão que era a marca do charuto, e o teto como era muito alto, penduraram umas lâmpadas fortes para ficar bem claro o ambiente, só que roubaram energia do poste em frente. Colocaram, também, para enfeitar aquele salão da charutaria uns vasos de plantas a maioria delas como Comigo - Ninguém -Pode e, outros com Espada de São jorge.



Eu mesmo dei com a canela num daqueles vasos, que também tinham Espada de São Jorge e soltei um palavrão nada santo. O outro cara do meu lado riu e mostrando sua canela ferida , disse que eu não tinha sido a única vitima.
Na hora da valsa de Strauss para variar, atacando de Danúbio Azul, coitada da Tereza Margarida, faltou energia e apagou a luz, foi uma gritaria danada e tiveram a feliz idéia de acenderem as velas do bolo, quando se viu o pior, pois muitos convidados tinham invadido a mesa para pegar cachorros quente, feitos com pão francês e salsicha de lata, ambos partidos na metade, para render mais.

Tereza Margarida chorou muito, prova disso é que quando a energia voltou e a luz acendeu seu rosto parecia a de um palhaço de circo ,cujo suor fez despencar a pobre maquiagem dela.

Parecia um espantalho, coitada, enxugando as lágrimas na borda do seu vestido alaranjado.

Um destes rapazes malditos acendeu, um barbante cheiroso que solta um odor horrível de flatulência quando queimado, popularmente também conhecido como peido alemão , mas daqueles bem fortes que em geral nós deixamos escapar, após uma boa feijoada ou aquele angu à baiana, bem apimentado!

O cheiro repugnante, juntou-se ao da charutaria e o ambiente ficou mais irrespirável ainda.

Os pais dela, muito nervosos, gente humilde do subúrbio carioca, que já inspirou tantas lindas músicas, estavam espumando de raiva, a maioria dos convidados foi para a calçada e o pior ainda viria, pois desabou um temporal destes de verão carioca e em poucos minutos, para variar, a rua alagou, inundou o galpão da charutaria e a última cena que me lembro era a mesa do bolo boiando , já completamente desmilinguido,no aguaceiro,e aquela frase do pai daquela linda gorducha, Tereza Margarida gritando:

-Peguem os baldes a chuva parou , vamos todos , tirar a água aqui de dentro.

Todos quem?

A lama cobria nossos pés e "todos", já tinham ido embora!

A festa acabou, e lembro que ria convulsivamente e chorava de forma idêntica.

ATENÇÃO:UMA INDICAÇÃO IMPERDÍVEL

RECOMENDAMOS UMA VISITA, AO NOVO, EXCELENTE E CRIATIVO BLOG: "ESTAR OU NÃO ESTAR", NO SEGUINTE ENDEREÇO: http://tobeornotestar.blogspot.com/

43 comentários:

*Mi§§ §impatia* disse...

Gargalhando demais......nunca vi festa mais pavorosa que essa.......ainda bem que eu não estava lá rsss
Bom fim de semana querido, beijos.

Silvia disse...

kkkkkkkkkkkkk

Que lembrança hein?!

Morri de rir aqui. Coitada da Tereza kkkk

Beijos

Daniel Savio disse...

Hua, kkk, ha, ha, em alguns casos, a chuva pode ser o sonho, mas neste caso, foi o fim do pesadelo...

Fique com Deus, menino Paula Tamburro.
Um abraço.

Maria Goreth disse...

Minha nossa! Isso é trauma pro resto da vida! rsrsrs

Uni ver sos disse...

Oi amigo, muito massa seu blog! Já sei o caminho quando quiser rir um pouquinho...rs




Gostaria de convidar vc para participar do nosso 2º Amigo Oculto de Natal, as inscrições estão abertas para quem quiser participar, será uma linda festa de confraternização virtual. Para saber mais detalhes e se inscrever passe no meu blog.

Abraços e obrigada!!

Ξ ѕ t є я

Izabela e Julia disse...

tadinhaa
kkkkkk

como vc achou meu blog? bjinhos

Luciana disse...

kkkkkkkkkkkkk

Coitada da Teresa rsrs

Obrigada pela visita...volte sempre!!

ROSANA COSTA disse...

HUMMM COITADINHA DA TEREZA MARGARIDA....RSRSRS PELO MENOS O CACHORRO QUENTE ESTAVA GOSTOSO?

UM ABRAÇO...E UM ÓTIMO DOMINGO!!!

Lari Rodrigues disse...

Coitada! Morri de rir, mas se fosse ela teria morriio de chorar

CECEU disse...

OLÁ KERIDO AMIGO PAULO...
VIM FAZER VISITINHA.
E CARAMBA... TADINHA DA TERESA!!!
NOSSA TRAUMA PRA RESTO DA VIDA...
BEIJOS E FICA BEM...
AH! TEU BLOG MT LEGAL...
CECEU

Lana disse...

Nossa pobre coitada, e que menino ruim ... rs' adorei a postagem e o blogsinho, volte ao meu e me diga o que axa o sentido da vida está dentro de você ...
Beeijox ... To seguindo!

Maria Alexandre disse...

Bom dia! Rsrsrsrssr!!!

Adorei o post!

http://mariasimagempessoal.blogspot.com/

Carolina Manuella L. de Barros Melo disse...

Muito bom! (risos)... Adorei seu texto, saudosista e hilário! Abraços da Carol.

Gabi Sadira disse...

Rindo mto.. adorei!!
Mas tadinha dela =/

bjin d fada

Sueli disse...

Meu querido, acho que esgotaram-se todas as desgraças possíveis de se acontecer numa festa!!! Procurei uma para acrescentar à sua história, mas não encontrei, não. O, judiação... rs. Beijo!

Leo Carioca disse...

Bom, selecione melhor as festas às quais você vai, né?rsrs

Meias de Seda (Suzy) disse...

Que karma pesado o da Tereza Margarida!!!
Essa, além de ter jogado pedra na cruz, também deve ter servido Ki-Suco de uva na Santa Ceia e cortado salsinha na tábua dos dez mandamentos.
Um abraço ;)

Jô Piantavinha disse...

Adorei teu texto... Mas coitada da Tereza!!!
A propósito, valeu teu comentário em meu blog "Improving my English"... Não sei se o mandarim substituirá o inglês, já que estruturalmente a língua inglesa é mais simples, mas vai saber se um dia ainda estaremos todos estudando mandarim. Quem viver verá!
Beijocas,

Biula disse...

Olá, Paulo, boa tarde!

Obrigada pela visita e pelo convite. Vc tem um humor bem cáustico, não é bem a minha praia mas parabéns pelo fôlego, editar 3 blogs deve dar um trabalhão.

Ótima semana, um abraço,

Janaina Cruz disse...

rsrsrs nossa meu Deus, coitada da moça, tenho certeza que desse seu aniversário, ela não esquece nunca mais..
Seguirei esse blog e voltarei para ver as novidades...

Ro Malet disse...

Oi, retribuindo a visitinha aqui tbm.
Adoooro humor!

Essa historia é real? Se for, tadinha da Teresa,eu iria querer sumir do mapa pro resto dos meus dias!

FabbyBaluH disse...

mto legal o blog, já estou segindo ;)

arqfama disse...

Venho agradecer-te,pela visita no meu blog,certamente me deixou curiosa,no qual vim conferir,valeu apena..utilizarei p/ um "stand bye"!
PARABÉNS,continue nos proporcionando momentos assim!
Abraços carinhososo de :http://perfeitaimperfeita.blogspot.com/2010/12/planejamentoem-1-lugar.html

Carmem L Vilanova disse...

Meu amigo...
Há tempos não dou uma passadinha por aqui, mas hoje valeu a pena...
Saio às gargalhadas com a história da pobre Tereza Margarida... mas também, que nome!!!!
Beijos, flores e muitos sorrisos!

Carol Maia disse...

Ai gente... pobre gorducha laranja!!

Daniela disse...

Olá, Paulo,

Te indiquei pra um selo, vai lá no meu blog e veja como

bjs

Daniela disse...

Paulo, olá :-))

Te indiquei a um novo selo, passa lá no meu blog e veja como pegar.
Bjs

Deiselangblogger disse...

Pobre Margarida, traumatizou p/ vida inteira.
Mas pior é que ri muito.
Parabéns pelo blog, certamente ganhaste mais uma seguidora.
Abraço.
Obrigada pela visitinha, volte sempre, pode sugerir, comentar, ok? :)

KarineLima disse...

kkkkkkk ri muito :9
confesso que deu pena da Tereza kk
enfim, texto muito bom e criativo .. parabéns! :)

Naiarah disse...

Achei seu blog super engraçado, já estou segundo-o. Continue assim! Um abraço!
naiarah07.blogspot.com

Nada Mais que eu Mesma disse...

Adorei seu blog, voltarei mais vezes para rir bastante.
Abraço!!!!

Daniela disse...

Paulo
Olha te indiquei pra mais um selo, passa lá e paga pra vc :-)
Bjs e fica com Deus

Laura'Laurinha disse...

Vim retribuir a visita e dizer que fui as lágrimas de tanto rir,pq lembrei de umas "Terezas Margaridas" que estão camufladas por ai...
Um forte Abraço e Bjs.
Laura'Laurinha
Pelotas/RS/Brasil

Camila Zacher. disse...

Nossa Paulo, muito bom seu texto, eu ri demais! Parabéns.
Já estou te seguindo (:
Beijos gaúchos,

Camila

Lily disse...

Parabéns pelo teu blog!
As tuas histórias são divertidíssimas!

Lily

Paula disse...

Oi Paulo,

Tudo bom?

Desculpe-me pelo sumiço, mas cá estou!
Agora consegui te seguir, viu?
Bjos,
Paula

Vera Lucia Marques disse...

Ninguém merece!!!...Acho que Tereza Margarida era um tantinho azarada...Tomara que a sorte dela tenha mudado_prá melhor, é claro!

PATRICIA COSTA disse...

OI Paulo, vim aqui deixar um abraço! adorei seu post!!! :)

Lu Dantas disse...

Que isso! Hahahaha..coitada!

Muito bom!

Bj

hesseherre disse...

GAROTO CHICO TEM CERTEZA QUE ESTE BLOG QUE V. INDICOU NÃO É DA SUA IRMÃ?
É TÃO PARECIDO EM TUDO....
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

SAUDAÇÕES FARAÔNICAS KUBISCHEKIANAS...

shan-Tinha disse...

q q isso???
ainda bem q tbém existam blogueiros nada shan-tinhos hehehe!!!

Giuliana disse...

Bah! Vc deve ter a minha idade pq baile de debutantes e suco de groselha...(rsrs). Nunca mais vou esquecer este nome "Tereza Margarida", vai virar um bordão para aqueles dias nada ensolarados...(rsrs).
by the way, aquela foto na cadeira de praia é SEM COMENTÁRIOS.

Lucia Regina disse...

Paulo, Cruzes!!!! Quanto desastre! Nem com as plantas comigo ninguém pode e espada de São Jorge. Faltou a arruda!!!!!!

Abraços

Lucia Regina