CITANDO O BARÃO DE ITARARÉ.


                                                    

                                                                                       
                            "Negociata é todo bom negócio para o qual não fomos convidados".
                                                                                                                               
                                                                                      Barão de Itararé.

Barão de Itararé foi como se auto-intitulou o jornalista gaúcho Apparício Torelli (1895-1971), pai do humorismo brasileiro, tinha os jornais alternativos A Manha e Almanaque, publicados no Rio de Janeiro e depois em São Paulo.
Com eles enfrentou e espezinhou o Estado Novo e os políticos corruptos e conservadores de sua época.
Por isso foi preso diversas vezes, sem nunca perder o humor, os trocadilhos e as piadas. Tanto que, cansado de apanhar da polícia secreta é repressora daquela época, colocou na porta de seu escritório uma placa com a hoje famosa frase :'Entre sem bater''.
Se ainda estivesse vivo, muito material teria para nos fazer morrer de rir, neste verdadeiro circo dos horrores que estamos vivendo.
Apesar dele sempre reconhecer que, ”tudo seria fácil se não fossem as dificuldades”, será que sobre este alvoroço que as ruas estão fazendo contra isso e aquilo, ele ainda sustentaria a tese de que: ”O tambor faz muito barulho, mas é vazio por dentro”.
Será?
O que mais espanta todo mundo é que antigamente as negociatas eram de no máximo dez por cento pra lá, dez por cento pra cá, mas agora só se fala em milhões, bilhões e o escambau.
Os caras quebram literalmente uma empresa, fazem delas cacos inservíveis e escolhem sempre as maiores.
É tanto dinheiro saindo dos nossos bolsos e voando sobre as nossas cabeças que às vezes pensamos que o tempo mudou ou não tínhamos sido informados sobre um eclipse solar, mas descobrimos que não é nada disso e sim, aquela imensa nuvem de dinheirama da corrupção que chega a ofuscar o brilho do sol.
Tem gente que culpa este partido, tem gente que culpa aquele outro, mas tem gente também que culpa a si mesmo por não estar nem naquele, nem naquele outro, pois, afinal, se tem gente assim, a frase sobre negociata do Barão estaria explicada.
Não seria o fim de tudo se alguém criticasse a roubalheira, por não estar roubando também?
Barão de Itararé teria razão ao ter proposto de forma critica, caustica e debochada,
como o fez no passado apregoando que: ”Ou se instaura a moralidade, ou nos locupletemos todos”.
Vamos esperar que a imensa maioria deste povo brasileiro honrado, continue lutando para que políticos e empresários corruptos possam ir para a cadeia.
Concordam,portanto, que isto não tem graça nenhuma?


23 comentários:

lua singular disse...

Oi amigo,
Já li muito sobre o Barão de Itararé e já usei ESSA PALAVRA: locupletemos todos numa postagem, se fossemos entrar nessa loucura toda toda, os pobres estariam todos fodidos.kkk
Beijos

PAULO TAMBURRO. disse...

LUA SINGULAR,

KKK,objetivamente, você se superou agora!

Conseguiu!!!

Um abração carioca.

sub helena disse...

Paulo, gostei do texto e da frase do Barão também... Sabe, o Brasil é uma grande festa para esses políticos e empresários, uma festa para a qual não fomos convidados, estamos apenas servindo os drinks, estacionando os carros...
Um abração carioca!

Maria Adelaide Brito Gomes disse...

E nós por cá...tudo bem!
Um abraço, deste lado do Oceano, pá!

Artes e escritas disse...

De fato, não tem graça. Um abraço, Yayá.

PAULO TAMBURRO. disse...

SUB HELENA,

ou seja, pagando tudo, não é isso?

Foi a parte que nos coube neste latifúndio! (rs)

Um abração carioca.

PAULO TAMBURRO. disse...

MARIA ADELAIDE,

outro deste lado, pois, as coisas por aí também,não andam infelizmente muito agradáveis.

Estou errado?

É o que leio, por aqui.

Um abração carioca.

Concorda?

PAULO TAMBURRO. disse...

ARTES E ESCRITAS,

pois é, a que ponto chegamos!

Nem rir podemos.

Um abração carioca.

Jossara Bes disse...

Oi Paulo!
Vontade é de chorar!
Está faltando "Vergonha na cara" dessa gente que está emporcalhando nosso "Brasil varonil"!
Para onde estamos caminhando? Ou melhor, afundando!
Abraço carinhoso! Feliz Páscoa!

PAULO TAMBURRO. disse...

Pois é JOSSARA, e pensar que talvez ainda venha muito mais por aí!

Apesar de não ter graça nenhuma, esta é e a realidade , e pensar também que, estes empresários destas construtoras,podres de ricos,agora sofrendo toda esta desconstrução das suas imagens junto com os políticos.

Um preço, este sim, muito alto!

Um abração carioca e feliz Páscoa pra você também.

Beatriz Paulistana disse...

Boa noite Paulo!
Primeiramente gostaria de agradecer sua visita em meu site. Já estou a retribuir a gentileza.
Quanto ao seu texto, cada um que lê faz uma determinada interpretação. Prefiro não deixar registrada a minha.
Tenha um ótimo feriado!
Feliz Páscoa!
Abraços da Bia!

PAULO TAMBURRO. disse...

BEATRIZ PAULISTANA,

honradíssimo com sua presença por aqui, volte sempre, combinado?

Feliz Páscoa e um abração carioca.

Rúbia Kenes disse...

Bom dia amado, vim te desejar que sua sexta santa seja, cheia de benção.
Que nesta Páscoa haja muitos doces em sua vida.
O doce sorriso daqueles que te amam.
A doce alegria de ter o pão na sua mesa.
A doce esperança de ter um futuro de paz e prosperidade.
Feliz Páscoa!

http://rubiaartes.blogspot.com.br/

beijinhossssssssssssssssssssss

PAULO TAMBURRO. disse...

Olá RÚBIA,

e que viva entre nós os ensinamentos de Cristo!!!

Obrigado e desejo em dobro,um abração carioca.

victoria disse...

Una magnifica entrada con un final de ese rostro que dice muchas cosas de la epoca que estamos viviendo en todo el mundo

Gracias por compartir
Con cariño Victoria
España

PAULO TAMBURRO. disse...

VICTORIA,

...em todo mundo, uma triste realidade!

Abração carioca.

lua singular disse...

Oi Paulo, Hoje estou feliz
Passei quatro meses de cão: cirurgia e dores. Desde ontem que não sinto mais nada.
Não há maior riqueza que a saúde. quase bati as botas, mas enfrento até a morte, sou porreta.kkk
Beijos

vih disse...

oi Paulo, tudo bem? Obrigada pelo carinho e pela visita no meu blog, que comentário lindo, podia até servir de continuação no testo ;)
Barão de Itararé que estava certo, isso sim, eu espero sinceramente que o tambor que vem tocando a sociedade seja diferente e tenha conteúdo ao invés de ser oco, porque ó, tá difícil!
Beijos rimados pra você :**

PAULO TAMBURRO. disse...

LUA SINGULAR,

que ótimo , fico muito feliz por isto, e espero que se cuide cada vez mais, pois, saúde é o maior bem das nossas vidas!

Um abração carioca.

PAULO TAMBURRO. disse...

VIH,

reconheço que tá difícil mesmo, porém,eu já VIH,vi (desculpe este trocadilho infame rs)muitas coisas que pareciam irreversíveis , melhorarem.

Vamos agir,trabalhar e torcer!

Um abração carioca.

hesseherre disse...

Definitivamente o humor pode ser roxo - mas mesmo cemitérios têm seus limites.
V. escolheu uma hora triste, em que a criatura, dissociada de seu criador, um ínclito acima de qualquer suspeita (AINDA)vogando pelas plagas do mundo, posando de grande quando está menor que um alfinete de chapéu...Mardade!
Um abração sei lá o que Paulão

PAULO TAMBURRO. disse...

HESSEHERRE,

volte sempre!

Um abração carioca.

Kleber Patricio disse...

E viva o Barão de Itararé!