OUÇO ISTO DESDE QUE NASCI!




Sou carioca desde sempre e já faz um tempinho que nasci nesta cidade. 
Lógico que todos vão querer saber que "tempinho" é este, então vou lhes dizer que: 
Sou daqueles que sempre adota a tese do politicamente correto, nas suas mais essenciais traduções e acho que estaria sendo preconceituoso sabendo que, nenhuma mulher declara sua real idade,eu aqui como homem não fosse solidário a elas viesse a cometer esta indelicadeza. 
Homofobia , jamais!



Mas o que eu ouço desde que nasci?
É exatamente, o fato que depois de inaugurada uma obra pública viária no Rio de Janeiro, as autoridades declararem que ela irá melhorar o trânsito. 
Melhorar muiiiiiiiiiiiito!
Desculpem senhores, mas de que trânsito os senhores estão falando?
Deve ser do trânsito de propinas que entram e saem dos seus bolsos nestas obras, pois, as das vias públicas , nunca acontece.



E sofremos sempre duplamente ou seja, durante as obras e depois delas.
Todos sabem que os cariocas são muito otimistas e sempre falamos que, realmente quando a obra acabar tudo vai melhorar, mas ledo engano afinal piora, as vezes de maneira nunca imaginado..
Os engarrafamentos no Rio de Janeiro e em São Paulo,no entanto, são diferentes e aqui eles assumem a forma de bolo de noiva, fica um montão de carros uns sobre os outros, verdadeiro amontoados de descargas fumegantes e geralmente, localizados pois logo ali tem uma obra para, exatamente, desafogar o maldito trânsito.



Em São Paulo a "locomotiva do Brasil" os engarramentos tem exatamente este aspecto de um imenso comboio que às vezes chega a duzentos ou trezentos quilômetros de entupimento das principais 
artérias daquela desenvolvida capital.




No entanto, o desenho e a forma do engarrafamento pouco importa e sim, o fato de que, aqui no Rio estas autoridades mentem descaradamente quanto aos futuros resultados destas obras salvadoras e sempre garantindo que isto "vai passar".
Então, apesar de parecermos uns palermas de plantão, todos sabemos que a unica coisa que continuará a passar mesmo será a musica do Chico Buarque e cujo link deixamos aqui registrado pedindo que a escutem pois, de desgraças já estamos engarrafados até o limite máximo das nossas possibilidades.

https://www.youtube.com/watch?v=9A_JrsJF6mM


8 comentários:

Jossara Bes disse...

Oi Paulo,
O que posso dizer é: concordo plenamente contigo!
Estamos reféns de um sistema que mais parece um labirinto. Confesso a você, quanto mais quero entender mais ignorante me sinto.
Eu só quero saber, "onde está o dinheiro"?
E entender; como são elaborados esses projetos milionários, que não funcionam?
Beijo carinhoso, feliz semana!

PAULO TAMBURRO. disse...

JOSSARA BES,

Sermos reféns desta gente é o que mais incomoda.

Sentir-se um trouxa, destes que babam na gravata é terrível!!!

Um abração carioca.

Helena G.S.R disse...

Olá, Paulo!
Infelizmente, isso anda ocorrendo muito em diversos lugares.
Ao menos, ficamos com uma boa trilha sonora, então.

Beijão.

PAULO TAMBURRO. disse...

Pois é HELENA,

tirando a trilha sonora, restam as trilhas e ruas entupidas de carros.

Um abração carioca

Lucia Monte Art disse...

A música de chico buarque não vai passar, pois já passou, assim como ele.Saindo do Leblon já deve estar em Paris, como sempre. Grande fiasco que deve estar rindo de quem ficou no grande engarrafamento chamado Brasil.

PAULO TAMBURRO. disse...

Lucia Mont Art,

sou seu mais novo seguidor em seu blog: Lucia Mont,Art.

Estive por lá e acessei suas postagens antigas.

Parabéns!!!

Um abração carioca.

Diana Lestan disse...

Amigo Paulo,

Engarrafamentos, obras eleitoreiras, olímpicas, estúpidas... Obras "obrigatórias" em começo e fim de mandatos, dinheiro escoando dos cofres públicos para os bolsos de quem sabe quem e o trabalhador, pobre e sonâmbulo trabalhador, saindo cada vez mais cedo de casa, para cumprir corretamente o seu horário de trabalho.
Paulo, seria cômico se não fosse trágico. Ótimo texto.

Um abração carioca e uma ótima semana para você.

PAULO TAMBURRO. disse...


Pois é DIANA, você sabe muito bem que o "chefe" que exigir que o empregado "chegue na hora" pela manhã no serviço é imediatamente, mandado embora, como louco!!! kkkk

Um abração carioca.