A CONQUISTA DA LUA : SEGREDOS E INTIMIDADES.

                   





Um piloto de testes e aviador naval dos Estados Unidos, escreveu seu nome na historia da humanidade.Afinal ,sua façanha não foi ter escalado o Himalaia, nem o Pico da bandeira e muito menos conseguir sair de casa sem se atrasar para o trabalho em cidades entulhadas de carros como Nova York,Rio de Janeiro ou São Paulo e sim, foi o primeiro homem a pisar na lua.Era comandante da missão Apollo 11 e em 20 de julho de 1969 marcou o solo empoeirado  daquele satélite natural da Terra com seu sapatão enorme, cujas marcas deixadas na Lua  foram mais fotografadas do que a avantajada retarguarda desta farta e generosa Mulher Melancia.O nome deste astronauta: Neil  Armstrong.



Este pioneiro tem bons e inusitados segredos e intimidades para contar, além de suas parafernálias de informações cientificas que, coletou naquele enfadonho deserto lunar com suas crateras cansativas de se ver e, aqui entre nós, cuja melhor paisagem  de lá, foi ficar deslumbrado com a imagem magnifica do nosso planeta Terra  e exclamar: A terra é azul !
As façanhas de Neil Asmstrong, não pararam por aí pois,em maio de 2005, por exemplo, ele protagonizou um dos mais inéditos casos de processo por direitos autorais que se conhece, envolvendo o seu barbeiro de mais de vinte anos de amizade, Marx Sizemore.Isto porque, aquele barbeiro vendeu por três mil dólares as mechas dos cabelos cortados do astronauta a um fanático colecionador, sem o consentimento ou conhecimento do  famoso freguês e processado, foi obrigado pelo tribunal a devolver o cabelo ou o dinheiro. Sem ter como reaver os restos de cabelo, Sizemore devolveu os três mil dólares ao astronauta lunar pioneiro que os doou a uma instituição de caridade.Cabelos sempre dão ótimas histórias!




No entanto, a história campeã de audiência da vida de Neil Armstrong é de um raro, refinado e inteligentíssimo humor, que começou com um fato ocorrido na sua infância e que talvez tenha feito com que ele tivesse aceitado um estranho e curioso desafio.Consta que o menino Neil estaria jogando baseball com um amigo no jardim da sua casa quando a bola escapou para o lado dos seus vizinhos, os Gorsky,indo parar exatamente, debaixo de uma janela do quarto do casal.Neil apressou-se em apanhá-la e lá chegando, ouviu uma áspera discussão entre eles, no mínimo inusitada. A mulher, dizia para seu marido o Sr. Gorsky que parasse de “pedir aquilo” e em tom desafiador, colocando uma pá de cal no assunto, esbravejava dizendo que sexo oral ela só faria no dia que o menino Neil Armstrong, colocasse o pé na lua.Imaginem a frustração do desolado Sr.Gorsky, mediante tão insólita probabilidade!


Os tempos passaram e muitos garantem que existe uma gravação de um diálogo do Centro de Controle da NASA em Houston e a Lua na qual, Neil Armstrong saltando no solo lunar teria exclamado, enfaticamente e com uma alegria incomum, uma frase que os operadores na terra não conseguiram decifrar naquele momento e que só mais tarde ele mesmo iria explicar.Ele disse:
-Good luck , Mr. Gorsky ! (Boa sorte, Sr Gorsky!).
Bem, como se vê, Neil Armstrong cumpriu a parte dele, mas será que a mulher de Mr.Gorsky manteve a palavra?







22 comentários:

PERSEVERÂNÇA disse...

feliz sexta-feira!!!!!!
chuvinha fininha, que bom, fico feliz por isso.
seu texto dispensa comentarios apenas elogios.
Fraterno abraço

Nicinha

sub helena disse...

Gostei do texto. Neil Armstrong deu um grande passo para a humanidade e com certeza para o Senhor Gorsky! Um abração carioca e bom fim de semana.

PAULO TAMBURRO. disse...

PERSEVERANÇA,

você sempre generosa!

Um abração carioca.

PAULO TAMBURRO. disse...

sub helena,

pois é, mas será que ela cumpriu a promessa? (rs)

Um abração carioca.

Monique disse...

Passando para conferir o texto e deixar um abração! ;)

PAULO TAMBURRO. disse...

MONIQUE,

grato e receba de volta também, um abração carioca.

Renata Maria disse...

Muito bom o texto, mas na época em que ele pisou na lua, sua mãe deveria querer ainda menos cumprir a sua promessa. Acho que não fez não.
Beijos,
Renata

PAULO TAMBURRO. disse...

RENATA MARIA,

será?

Você não acredita que o tempo é um bom conselheiro? (rs)

Abração carioca.

Dani Cristina disse...

Olá Paulo;
passeando por aqui.
Observando suas palavras e seu espaço - adorando como sempre ;]
Obrigadão por sua visita mais recente.
Um Abraço!

PAULO TAMBURRO. disse...

DANI,

ok,um abração carioca e obrigado.

Maria Emilia Moreira disse...

Quanta imaginação!!!
Então não havia de cumprir?!
As mulheres são seres maravilhosos, pacientes e de palavra. Abraços de Portugal.

PAULO TAMBURRO. disse...

MARIA EMÍLIA,

eu nunca tive dúvida que as mulheres são seres maravilhosos,pacientes e de palavra, pois, comigo sempre o são.

Agora, eu não sou o Sr.Gorsky.

Até que,se ela tiver cumprido,a promessa bem que, gostaria de ter sido .kkkkkk

Tenho certeza que você me entendeu.

Um abração carioca

allmylife disse...

Ótima história..rs já me fez sorrir em plena segunda-feira caótica =)
Muito Obrigada pela visita, fico lisonjeada em saber que existem pessoas recomendando o blog =D Estarei sempre por aqui =* Bjs e boa semana!

PAULO TAMBURRO. disse...

allmylife,

nossa que ótimo, se já não bastasse ser segunda-feira e, ainda por cima, caótica, realmente só com muita alegria,mesmo!

Seu blog é muitissimo bom e o recomendo, mesmo!

Seja bem vinda,uma ótima semana para você também, e um abração carioca.

ॐ Shirley ॐ disse...

Hehehe...De repente, Paulo, a sra Gorsky resolveu pagar a dívida em pequenas prestações e está pagando até hoje.
(Cadê o poema? rs)
Beijo!

PAULO TAMBURRO. disse...

SHIRLEY,

kkkkkkk, bem nesse caso, valeu a pena esperar!!!

Desculpe mas, dá pra lembrar a respeito do poema?

Ando mais esquecido que devedor do imposto de renda. kkk

Lembra, tá?

Um abração carioca

Emanuelle Figueiredo disse...

Texto muito interessante! No mínimo curioso. Será que a dívida foi paga? hahahah...
Abraço!

Leticia disse...

Esta do barbeiro dele ..eu não sabia.
Legal o post

livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

Lu Dantas disse...

Você e sua imaginação sempre muito fértil rs

Adoro passar aqui!

Um abraço

PAULO TAMBURRO. disse...

Oi LU,

então venha sempre, eu que adoraria mesmo!!!

Um abração carioca.

PAULO TAMBURRO. disse...

EMANUELLE,

pelo que eu conheço das mulheres, quando elas prometem, elas cumprem!!! (rs)

Portanto...

Um abração carioca.

PAULO TAMBURRO. disse...

LETICIA,

é verdade, inclusive ele foi devidamente ressarcido por danos morais.

Um abração carioca.