"O cara" da internet.



O cara estava navegando pela internet, de blog em blog.

Lia aqueles famosos, “Quem sou eu” e  a cada um deles ficava mais decepcionado, afinal o que, ele queria era exatamente, o contrário.

Bem vocês compreendem que, existem pessoas formatadas, com as mais diferenciadas, complexas e miscigenadas condutas, neste interminável cadinho de culturas e tradições pelo mundo a fora, como diriam os intelectuais de plantão.

É verdade, pois apesar dos intelectuais complicarem muito com este palavrório hermético, mas no popular eles querem mesmo dizer que, tem de tudo e para todos os gostos, neste mundinho chamado Terra e ,consequentemente na blogosfera.

Afinal, não fosse assim, se não existissem as cores pretas e brancas, jamais conheceríamos, o cinza.

E em questão de comportamento na internet, temos todas as versões, gradações e tipos de búfalos no cio, verdadeiros tarados até, por foto de tempestade levantando a saia daquela senhora que já desde muito tempo não tem mais a preocupação de levantar absolutamente, nada.


Se é que me fiz entender.

E tem também, aqueles que nos facebook confessam todas as suas fraquezas e intimidades pessoais e de toda a família, como se estivessem conversando com um só parceiro, entre quatro paredes.

Um perigo!

Enfim, se você nunca viu nada igual, na vida real, com certeza irá ver, no mundo virtual.

E de blog em blog aquele cara, ao clicar no “Quem eu sou”, lia seguidamente, perfis em geral com pequenas mudanças desta ou aquela palavra, adjetivação ou modo de conduta pouco diferenciado, mas coincidentemente, desta mesma natureza:

“Mãe incondicional, esposa devotada, monogâmica por absoluta convicção moral e ética, trabalho arduamente para manter e ajudar meus filhos nos estudos, além de poder colaborar com meu amado e inseparável companheiro a quem nunca trai e jamais trairei, a manter nosso lar que consideramos, sagrado e inegociável”.

E naquele conjunto de blogues era só o que vinha, nas pesquisas do cara,louco para encontrar algo "diferente".
Na procura incessante, foi ficando irritado, cansado, estressado, frustrado, desiludido, até que resolveu partir para a ignorância e num blog muito chulo e de intenções menores que ele mantinha, resolver publicar a seguinte e desesperada postagem que era,um verdadeiro e desesperado convite.

“Procuro mãe ou não, mas que seja muito vagabunda, dada, safada, poligâmica e que acredite que quanto mais socializar seu amor, melhor e que, nem pense em ter outro trabalho a não ser aquele de me satisfazer na cama, na relva, na chuva, numa casinha de sapê e o escambau e que, finalmente tenha consciência de que todo marido trai a mulher e por esta razão, você mulher,deve querer também, igualdade neste particular.Portanto,mandem e-mail”.



E recebeu uma resposta, curta e grossa de uma leitora:

“Querido, se esqueceu que a senhora sua mãe já morreu?”

8 comentários:

#*Marly Bastos*# disse...

Heiiiiiiiii esse homem da net andou lendo meu perfil? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Desse tipim,todo mundo quase santo... Ou quer que eu minta?
beijokas doces.

Nádia Santos disse...

Tem cada qualidade de homem (nem sem se merece ser chamado de homem) nessa internet, que pelo amor de Deus! É cada criatura horrenda de caráter! Mas infelizmente, existe muita mulher também alimentando as safadezas dessas criaturas bizarras. Quer que eu minta? Bjus

=> Gritos da alma
=> Meus contos
=> Só quadras


Cάssiα Cαrvαlho disse...

Amigo, aqui tá lindo !! Como voce pode ver, fiquei sumida, quando puder de uma olhada no meu blog, Lances da vida. Ele ta lindo, bom, quase lindo, ja que estou voltando aos poucos.
Beijao carioca.

Paulo Tamburro. disse...

Pois é MARLY,

e você tem dúvida de quem é aquele perfil?

Ora, convenhamos!!!

Um abração carioca.

Paulo Tamburro. disse...

Olha, NÁDIA

"safadeza", eu não lia esta palavra há muito tempo, depois que inventaram a tal "sacanagem" ela andou meio escondidinha!!! kkkkkkkkk

Um abração carioca.

Paulo Tamburro. disse...

CÁSSIA,

vou passar por lá pelo seu blog e que tenha um bom retorno.

Combinado?

Um abração carioca.

Lu Nogfer disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Nao vou mentir:
Adorei!Voce é demais!!!!

Abraços, meu conterrâneo!

PAULO TAMBURRO. disse...

OK LU.

Abração carioca.